quarta-feira, 4 de março de 2009

Uma maneira “arrojada” de fazer justiça

Após as declarações do nosso “baluarte” (ou seria babalaorixá?) da justiça brasileira sobre a “arrojada maneira de resolver as questões agrárias” no país, com tiros nas pernas e na cara dos desafetos do MST, percebi que meus conceitos de mst crime estão “fora de moda”. Pois, se o “dito” crime estiver devidamente acompanhado dos  sagrados “mantras socialistas”, famosos pelas propriedades milagrosas de travestir mentiras em verdades, bandidos em mocinhos, quadrúpedes em intelectuais,ricos sindicalistas em pobres trabalhadores (ou operários inválidos), tudo não passará apenas de uma “maneira arrojada” de defender as causas sociais, motivo tão cândido e louvável quanto  os “arrojos” do passado, que visavam implantar no país um “ditadura do proletariado”, cheia de amor liberdade e paz (que lindo isto!). Qual o problema de uns “tirinhos na cara dos outros” se a causa é boa?  Aliás devemos ter poucas pessoas “arrojadas” no país, pois estamos importando um militante mutilante (Césare Battisti ) tão  ou mais “arrojado” que o MST, pois ele também matou 4, e foi sozinho.

Wellington 03/02

Nenhum comentário:

Vídeos Recomendados

Loading...
Creative Commons License
Blog Wellblog-Observador de Wellington Leal é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Compartilhamento pela mesma licença 3.0 Brasil.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://reieterno.blogspot.com.