quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Passado o descanso do carnaval, paremos com as amenidades e continuemos nossa luta contra o mais assassino, covarde e mentiroso sistema de governo já criado em toda a história da humanidade: o comunismo.

livro_negro_comunismo_2O maior inimigo do comunismo é a liberdade, pois se ela existir, os métodos de mudança comportamental não  vão surtir efeito. Por isto é tão importante para este sistema  as mudanças constitucionais, de forma a ampliar a manutenção de seu representante no poder  por tempo indeterminado e aparelhar os cargos importantes e de lideranças com um exército de militantes dispostos a fazer qualquer coisa pela “causa revolucionária”. É fácil com provar esta estratégia, é só observar países como a China, a Rússia, a Coréia do Norte, a Bolívia e a Venezuela para observar como seus líderes se “apegaram” tanto ao poder, que estão dispostos a tudo para não perdê-lo.  

 

 

Comunismo

Algumas caracterísiticas

estágio intermediário

Socialismo – é necessária a abordagem social até que esteja garantida a pemenência no poder, passando-se para a fase seguinte, que é a “ditadura do proletariado”.
Religião Ateu, o estado é quem possui o poder total sobre o destino do indivíduo.
Política Partido único do governo, opositores são presos ou executados, discreta ou abertamente.
Economia Estatizada, onde o estado é dono das riquzas e meios de produção ou é sócio de empreendiemntos estrangeiros  ou de membros favorecidos do partido que atuam como ricos empresários.
Liberdades e garantias Individuais Não existem, exceto para  membros do partido.
Tipo de ideologia Progressista – O homem é essencialmente bom, e a sociedade o torna mal, por isto é preciso controlar a sociedade.
Táticas Marxistas  tradicionais – Visavam o confronto direto e a luta armada. Ainda largamente utilizado, dependendo da região. Ex: FARC, Sendero Luminoso, tec. Influencias de Trostski  e Stalin Guerrilha urbana, terrorismo, crime organizado, desinformação, contra-informação,lavagem cerebral,  sequestros e assasinatos de autoridades, revisão histórica e manipulação de dados e estatísticas oficiais.
Táticas Marxistas modernas – Visam a adoção de novos padrões de comportamento e a manobra estratégica das diversas correntes sociais, atuando como “uma mão invisível” do partido. Grande influencia de Antônio Gransci. Criação de diversos grupos e organizações “politicamente corretos”, que se apoderam de causas de grande interesse ou repercussão pública, como ambientalismo, movimentos sociais, de defesas de minorias.
Relações internacionais Os países membros do “clube” realizam uma intensa cooperação financeira, normalmente de forma extra-oficial,  aos projetos de expansão e conquista de novos  países “associados”. Ex: malas de dinheiro, contrabando de armas, etc.

Quer saber mais sobre este flagelo da humanidade? Então leia o livro:

livro_negro_comunismo_1 

 

Stéphane Courtois, Nicolas Werth, Jean-Louis Panné, Andrzej Paczkowski, Karel Bartosek, Jean-Louis Margolin, O livro negro do comunismo. Crimes, terror e repressão, Bertrand Brasil, Rio de Janeiro, 1999, 917 págs. 

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Super catamarans – imagine estas embarcações integrando os sistemas de transportes no Brasil, se “eles” podem, nós também podemos…

Na Europa são comuns os Ferry Boats de alta velocidade, os mais velozes são os grandes catamarans chamados “Wave Piercings”, que não utilizam hélices, e são movidos por um sistema de poderosos jatos de água, que associados ao moderno design de baixo arrasto, permitem desenvolver até 45 nós (equivalente a 82 km/hora). Dependendo do modelo, podem transportar até 866 passageiros e 65 automóveis. No Brasil, são utilizados modelos de menor capacidade, com sistema de propulsão convencional, principalmente na Bahia e no rio de Janeiro. Quem sabe um dia, ao invés de andarmos em apertados ônibus, nosso sistema de transporte se torne mais parecido com o do primeiro mundo.

1979322244_9c0afab5dd

incat natchan rera 

O Natchan Rera (foto acima), com seus 112 metros de comprimento é um dos mais modernos “Wave Pirecing Catamarans”, também chamados de HSV – High Speed Vessel. Opera no Japão, e foi fabricado pela empresa Australiana Incat (www.incat.com.au). Aliás, a tecnologia destas embarcações foi desenvolvida pelos Australianos.   Atualmente estes HSV estão substituindo os tradidionais Ferrys Hovercraft na Inglaterra , Fança e Alemenha, e estão sendo utilizados militarmente pelos Estaddos Unidos.

t-news1

Em breve, teremos em Vitória alguns catamarans fazendo parte do novo sistema de transportes aquaviários, pena que ainda não sejam tão  modernos como estes, mas já é um bom comdeço …

Um belo final de tarde na Avenida Beira Mar …

Foto-0031

Foto-0032

 

Foto-0030 

Visão de um navio Roll-On /Roll-Off  da empresa Eukor (Singapura) se preparando para atracar no Porto de Capuaba em 18/02 as 17:55. Para quem não sabe, este tipo de embarcação especializada no transporte de cargas  armazenadas em carretas ou no transporte de automóveis.  Um bonito final de tarde em Vitória.

domingo, 22 de fevereiro de 2009

Nação de Zumbis

Não, não estou falando de nenhum filme de terror  ou de algum game tipo Resident Evil. Estou falando de uma multidão de seres humanos mortos-vivos, que se multiplica sem parar e que promove o aumento da violência e criminalidade. Estes verdadeiros zumbis, são em sua maioria são pessoas jovens que perderam suas vidas para as drogas, e vagam pelas ruas se prostituindo, roubando, traficando e fazendo qualquer coisa para manterem seu vício. Dentre todas as drogas, nenhuma é capaz de produzir um morto-vivo tão rapidamente quanto o crack. Por ser de buntitledaixo valor e sendo facilmente encontrado, é largamente utilizado pela população de menor poder aquisitivo, tornando-se um fator multiplicador do risco social. Seus efeitos rápidos, intensos e de curta duração provocam uma dependência química praticamente na primeira utilização, criando a necessidade de seu uso contínuo. Um viciado em crack jamais conseguirá sair do vício sozinho, e possivelmente dentro de uns seis meses estará  mental, física e socialmente destruído. Os componentes nocivos do crack causam danos cerebrais irreversíveis, tornando a recuperação sem sequelas praticamente impossível. A grande ameaça do crack é o seu mecanismo que ação , que uatravés da inalação, alcança  os pulmões e penetra  rápidamente na corrente sanguínea, atingindo o cérebro com uma intensidade que pode ser comparada a um coice de cavalo. Os efeitos destruidores do crack são mais acelerados do que a de drogas concorrentes, destruindo a auto-estima, o auto-controle e a capacidade cognitiva do indivíduo, além de provocar comportamento violento. Diante de tamanho problema, não vemos nossos governantes adotarem ações de prevenção e repressão realmente efetivas. Pelo contrário, vemos uma simpatia e até mesmo uma conivência com os diversos movimentos e organizações que querem liberar ou descriminalizar o uso das drogas, principalmente a maconha, tratando o viciado como um simples doente,sem que haja maiores implicações penais. Ora, por este raciocínio, o viciado em maconha não seria diferente do viciado em crack, haxixe ou cocaína, então, a próximo passo seria também descriminalizar todas as outras drogas, criando uma verdadeira nação de mais mortos-vivos. Com a possível liberação, muito mais pessoas se aventurariam no uso das drogas, tendo as mais diversas justificativas como o alívio do stress, o lazer, a diversão e busca do prazer.  E mais uma vez, o  governo repassaria a conta para a sociedade, se eximindo de toda a responsabilidade. Como seria tratar no sistema público de saúde,  um número crescente de pessoas viciadas em diversos tipos de drogas? Como fazer isto, se o simples contribuinte que paga impostos  não consegue atendimento digno quando precisa?  Incopetência e demagogia também são drogas perigosas!

Wellington Leal  22/02/09

Dividir para dominar !

Em nome de uma ideologia ultrapassada, travestida de “progressismo”, estamos sendo literalmente esvaziados de nossos valores e princípios fundamentais, através de uma perversa estratégia de “engenharia social”, que consiste em mudar o comportamento de toda imagem_medium uma população, quebrando todas as resistências e acelerando o processo da “revolução” (entenda-se tomada permanente do poder), atacando com todos os meios possíveis, tanto os legais, através de entidades oficiais, quanto os ilegais, através de entidades não oficiais que atuam sob o disfarce da desobediência civil ou mesmo do crime organizado. Utilizando métodos que  lembram  Maquiavel, e aproveitando-se das refinadas estratégias psicológicas desenvolvidas por Antônio Gramsci (Cadernos do Cárcere) os militantes socialistas-comunistas que estão no poder,  buscam  atingir mortalmente os pontos de unidades dos diversos grupos sociais, lançando-os uns contra os outros, plantando antagonismos através de divisões de classes sociais, disputas raciais, conflitos religiosos e agrários.Todos estes conflitos visam a divisão das unidades em blocos menores, com o consequente enfraquecimento do tecido social: não são mais cidadãos brasileiros patriotas, mas negros contra brancos, ricos contra pobres, sem terras contra fazendeiros, indígenas contra arrozeiros, ecologistas contra agricultores, homossexuais contra heterossexuais, etc. Quanto maior for a convulsão social provocada, maior o apelo da população pela “intervenção salvadora do Estado”, e quanto mais o Estado intervir, menores serão as liberdades individuais, pois tudo será justificado por um conveniente “Interesse Coletivo”. Assim, o partido governante passa a se confundir com o próprio Estado, e depois de se tornar sinônimo de Estado, o Partido-Estado fatalmente assume as prerrogativas da Igreja e da Família, incutindo nas gerações seguintes obediência  cega  à causa partidária em lugar de amor à pátria, e  materialismo ateu em lugar dos valores espirituais e das tradições familiares. Será a democracia sendo usada para acabar com a própria democracia (como estamos vendo na Venezuela e Bolívia), facilitada pela pouca informação dos brasileiros e pela  incapacidade do sistema de ensino público formar cidadãos com pensamento crítico. Aliás, o que em breve pode acontecer será nesta linha : - “Não pensem, apenas trabalhem e paguem seus impostos! Deixe que nós pensaremos e decidiremos por vocês! -  Será tarde quando descobrirem que o socialismo não fala a verdade e não pode combinar  com a democracia, e  da mesma forma, o famoso grito “Liberdade, Igualdade e Fraternidade” é uma impossibilidade lógica, pois a “Liberdade anula a Igualdade”, a “Igualdade extingue a Liberdade” e a “Fraternidade não precisa da Liberdade e tampouco da Igualdade para existir”.

Wellington Leal 22/02/09

Technorati Marcas:

Vídeos Recomendados

Loading...
Creative Commons License
Blog Wellblog-Observador de Wellington Leal é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Compartilhamento pela mesma licença 3.0 Brasil.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://reieterno.blogspot.com.